Entre em contato
(79) 3346.1892
Enfermagem
Apresentação

Aprender sobre Enfermagem é também aprender técnicas e métodos para cuidar do outro. O nível técnico da profissão é ofertado pela Fapide com professores especialistas qualificados para que os alunos desenvolvam habilidades e conhecimentos sobre a área e saiam preparados para o mercado de trabalho.

O curso é destinado a portadores de certificado de conclusão do ensino médio, alunos que estejam cursando o 3º ano do ensino médio ou àqueles que já são portadores de diploma de nível superior e desejam diversificar suas atividades laborativas.

Coordenadora- Enfermeira Márcia Aurélia Siqueira

Sobre o curso

CARGA HORÁRIA
O curso de Graduação Bacharelado em Enfermagem possui carga horária de 4.300h (quatro mil e trezentas) horas distribuídas em 10 (dez) períodos semestrais, integralizados em 05 (cinco) anos, assim distribuídos:

Disciplinas e Atividades Formativas:

Total de Carga Horária– 4.300h.

Estágios:
Estágio Curricular Supervisionado I – 400 horas
Estágio Curricular Supervisionado II – 400 horas


ATIVIDADES COMPLEMENTARES
Extensão
Iniciação a pesquisa
Eventos, Palestras
Cursos, Seminários
Oficinas, Congressos
Grupos de estudos

COORDENAÇÃO DO CURSO

Juciene de Matos Braz

A Coordenadora da Faculdade Pio Décimo de Canindé do São Francisco - FAPIDE, Profª. Msc. Juciene de Matos Braz, possui graduação em Enfermagem – Bacharelado pela Universidade Federal de Sergipe (2011), Mestrado em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Sergipe (2015) e Doutorado em andamento pela Universidade Federal de Sergipe (2017).

Documentos do Curso
Quadro de Professores

O Curso de em Enfermagem Bacharelado é composto atualmente por professores mestres e doutores com experiência em Superior, Pesquisa e Extensão.

Monitoramento e Nivelamento

A monitoria é desenvolvida pelos discentes de Enfermagem como atividade de iniciação à docência, conforme Portaria Nº 023/2015/DG/FAPIDE.

Trata-se de iniciativa integrante das atividades orientadas pelo corpo docente do Curso com o objetivo de iniciar o graduando em atividades próximas ao fazer docente. Ademais, a participação em tal atividade possibilita o aprofundamento de conhecimentos e fomenta as habilidades de liderança do graduando, que, em auxílio e sob a supervisão do docente preceptor, pode dirimir dúvidas dos colegas que possam existir sobre os assuntos ministrados na sala de aula e também facilitar a interlocução entre professores e discentes.

Dessa forma, os monitores auxiliam os professores na execução de tarefas diversas, como: atividades didático-pedagógicas; assessoria a alunos, orientação em trabalhos didáticos (de sala de aula, de biblioteca, de campo); atividades de pesquisa e extensão relacionados à disciplina; organização dos materiais e apoio para as atividades práticas em laboratório.

A monitoria é desenvolvida por graduandos que já cursaram disciplinas específicas do curso e que atendam às especificações do Edital de seleção de monitores. Além de cumprir as exigências do edital, os candidatos a uma vaga de monitor são submetidos a uma avaliação prática e/ou teórica para comprovar o domínio dos conteúdos relacionados à disciplina em que atuará como monitor. Ademais, fica vedado ao monitor o exercício da docência e de quaisquer atividades de caráter administrativo, de julgamento de verificação de aprendizagem e de supervisão de estágio.

Dentre as disciplinas que poderão contar com atuação de monitores, citamos: Anatomia I, Anatomia aplicada à Enfermagem, Semiotécnica, Histologia e Embriologia aplicada à enfermagem, Bioquímica Básica, Biologia Celular e Molecular, Microbiologia, Parasitologia Humana, dentre outras conforme a necessidade.

Coordenação do Cursos

Juciene de Matos Braz

A Coordenadora da Faculdade Pio Décimo de Canindé do São Francisco - FAPIDE, Profª. Msc. Juciene de Matos Braz, possui graduação em Enfermagem – Bacharelado pela Universidade Federal de Sergipe (2011), Mestrado em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Sergipe (2015) e Doutorado em andamento pela Universidade Federal de Sergipe (2017).

Laboratórios Didáticos

Os laboratórios são espaços destinados ao suporte técnico e pedagógico de diversas atividades curriculares do Curso de Enfermagem. Embora centrado nas atividades práticas de ensino, os laboratórios também devem operacionalizar o atendimento a outras necessidades advindas da prática de investigação e da extensão.

Os laboratórios foram planejados segundo as necessidades didático-científicas do projeto pedagógico do curso no que se refere à área física, às instalações específicas, às condições de biossegurança e aos equipamentos e aparelhos identificados pelos professores responsáveis pelas práticas e pelos projetos de pesquisa e programas de extensão.

O curso de Enfermagem dispõe dos seguintes Laboratórios para o desenvolvimento do curso:

1. Laboratório Multidisciplinar;
2. Laboratório de Enfermagem;
3. Laboratório de Anatomia
4. Laboratório de UTI e Centro Cirúrgico (CC)

Objetivo do Curso

Formar profissionais capacitados para atender indivíduos, famílias comunidade em todos os níveis de atenção, primando pela promoção, prevenção, recuperação e reabilitação da saúde.

Mercado de Trabalho

O campo profissional é de larga escala, incluindo atendimento pré-hospitalar, hospitais, clínicas, redes ambulatoriais, unidades básicas de saúde, consultórios médicos, atendimento domiciliar, Instituição de Longa Permanência – ILP, programas governamentais de saúde, laboratórios de análises clínicas e unidades de diagnóstico, creches, spas, instituições e casas de ressocialização, abrigo e repouso, dentre outros, nos quais a assistência à saúde seja necessária.

O Técnico em Enfermagem é um profissional que realiza ações de enfermagem nos níveis de promoção, proteção, recuperação e de reabilitação da saúde de indivíduos e/ou grupos sociais, prestando cuidados nas diferentes fases do ciclo vital, em situações especiais que envolvam ambientes e procedimentos de maior complexidade e suporte tecnológico, integrando equipes especializadas para atendimento aos portadores de afecções clínicas e cirúrgicas, de deficiências e de transtorno mental, a usuários de drogas, incluindo situações de estado grave ou de risco de morte.

Diferenciais do Curso

  • Alto índice de empregabilidade
  • Aulas teóricas e práticas em salas, laboratórios e também em visitas técnicas;
  • Laboratórios: Informática, Laboratório Multidisciplinar (Microscopia), Laboratório de UTI, Laboratório de Enfermagem e Laboratório de Anatomia.

O Programa Universidade para Todos – Prouni foi criado pelo Governo Federal em 2004 e institucionalizado pela Lei n.11.096/2005, com o objetivo de conceder bolsas de estudo integrais (100%) e parciais (50%)...

O Fundo de Financiamento Estudantil(Fies) é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar a graduação na educação superior de estudantes matriculados em cursos superiores não gratuitas na forma da Lei 10.260/2001.

Fale Conosco